comida foodtruck

Os melhores tipos de alimentos para vender em food trucks

As refeições possíveis para cozinhar num food truck são quase infinitas. Apesar do seu nome, não tem de vender comida, num food truck também pode oferecer qualquer outro produto ou serviço, como este exemplo de um food truck. food truck Barbería ou esta de tatuagens. As licenças para trabalhar com o seu camião de comida são semelhantes, como vimos noutro post do blogue sobre legislação. Estas empresas serão discutidas em mais pormenor noutro artigo, mas agora vamos concentrar-nos na alimentação.

Se está a pensar em montar um food truck ou se já tem um mas está à procura de novos produtos para oferecer, continue a ler. Vamos dar-lhe algumas ideias do que está na moda nos food trucks de todo o mundo.

Salgados, doces, pratos principais, lanches… vai ser mimado pela escolha com tantas possibilidades, mas felizmente estamos aqui para o ajudar. Dependendo da sua localização, um tipo de produto pode ser mais interessante, embora a época do ano também tenha influência. Quem não gosta de um gelado fresco no verão, que pode transformar-se num crepe acabado de fazer no inverno?

Que tipo de comida é mais rentável num food truck?

 

Os melhores tipos de alimentos para vender em food trucks

 

Tal como nos restaurantes, o produto que dá os melhores resultados é aquele que faz com que o público goste dele, porque isso fará com que voltem e falem bem de si. A melhor publicidade é a boca-a-boca (nunca se disse melhor). Mas no caso dos food trucks sem local fixo, que se deslocam em eventos por todo o país, outros aspectos assumem especial importância:

A imagem.

Um cartaz apelativo e uma boa apresentação do produto atraem mais pessoas do que uma boa crítica no Trip Advisor.

O tempo de preparação.

Ter uma longa fila de espera não significa muito lucro, a rentabilidade está em servir mais clientes rapidamente. Tenha isto em conta ao definir o seu menu.

Preço.

As matérias-primas de qualidade são caras e refletir-se-ão no preço final do seu produto. Procura um equilíbrio entre qualidade e rentabilidade, jogando com as quantidades. É importante conhecer o custo real do seu produto para estabelecer o preço de venda. Para o efeito, aprende como fazer uma estimativa de custos e não se esqueça de incluir os custos de pessoal e os custos do seu camião de comida.

Estude cuidadosamente os alimentos a vender no seu camião de comida, para ter total confiança na sua oferta e para lhe dar segurança. Pense na forma de se diferenciar da concorrência para atrair o público e planeie a execução para conseguir prazos de entrega curtos. Nos espaços confinados de um food truck, é essencial ser claro sobre onde tudo e todos devem ser colocados.

Variedade de produtos que podem ser oferecidos num food truck

Para além dos hambúrgueres ou dos cachorros quentes, há muitas refeições com ingredientes simples que ocupam pouco espaço. O tempo de armazenamento e de preparação deve ser cuidadosamente considerado. Que tal sushi, ou empanadas? Talvez prefira uma banca com boas carnes curadas e vinho. Vamos estudar as possibilidades de diversão dos convidados e o equipamento necessário para o preparar.

Burritos

Os burritos são uma opção deliciosa que se tornou um clássico nos food trucks. Estes veículos de comida de rua oferecem uma experiência única de saborear um burrito acabado de preparar e repleto de sabores. Com ingredientes frescos e variados, desde a carne assada ao frango marinado, acompanhados de arroz, feijão, queijo, legumes e molhos picantes, cada dentada é uma explosão de sabor.

O melhor de tudo é que os burritos dos food trucks são muitas vezes personalizáveis, permitindo aos clientes escolher os seus ingredientes favoritos e criar combinações únicas. Além disso, o seu formato prático torna-os uma opção perfeita para comer em viagem, ideal para quem procura uma refeição rápida e saborosa enquanto explora a cidade ou trabalha.

Burritos no @foodtruck_lachoza
Burritos no @foodtruck_lachoza

Quesadillas

As Quesadillas são um clássico irresistível nos food trucks. Com a sua combinação de queijo derretido e tortilhas quentes, são o snack perfeito para satisfazer qualquer desejo. Recheadas com frango, carne assada, legumes ou simplesmente queijo, as quesadillas das carrinhas de comida são uma explosão de sabor em cada dentada. Perfeitas para comer em viagem ou como um lanche rápido, as quesadillas são uma opção infalível na cena da comida de rua.

Quesadillas no @foodtruck_lachoza
Quesadillas no @foodtruck_lachoza

Nachos

Os nachos são uma escolha clássica nas carrinhas de comida. Com as suas estaladiças batatas fritas de milho cobertas com queijo derretido, feijão, salsa e outros deliciosos toppings, os nachos são o aperitivo perfeito para partilhar ou saborear sozinho. A sua combinação de sabores e texturas torna-os um favorito entre os amantes da comida de rua. Seja como um lanche rápido ou como uma refeição completa, os nachos nas carrinhas de comida são sempre uma opção deliciosa.

Nachos no @foodtruck_lachoza
Nachos no @foodtruck_lachoza
Nachos no @foodtruck_lachoza
Nachos no @foodtruck_lachoza

Gelado: uma opção refrescante e deliciosa

No mundo dos food trucks, o gelado é uma opção ideal para vencer o calor e saborear uma deliciosa sobremesa.

Os melhores tipos de alimentos para vender em food trucks

Hambúrguer:

É o tipo mais típico de comida de camião porque agrada a todos os tipos de pessoas e permite uma grande variedade. Pode destacar-se com um tipo de carne de alta qualidade, exótica ou mesmo vegetariana. Terá de investir cerca de 1 800 euros em equipamento, uma vez que só precisa de uma chapa, um frigorífico/congelador e uma fritadeira se quiser servir também batatas. Fácil de preparar e bastante rápido. Estão presentes em todos os eventos e são uma aposta segura.

Hambúrgueres no @foodtruck_lachoza
Hambúrgueres no @foodtruck_lachoza

Sanduíches:

As sandes ou sanduíches permitem uma variedade de preparações, mas tenha cuidado para não confundir o seu público. Escolha um género e transforme-o numa experiência memorável. Enchidos, queijos, legumes, presunto Serrano e não se esqueça de um molho especial com o seu toque pessoal. O equipamento necessário é mínimo: máquina de fazer sanduíches, recipientes para os ingredientes, frigorífico e talvez uma grelha. O conjunto pode ser adquirido por cerca de 1 000 euros. A sua grande vantagem é que pode ter alguns já prontos e são perfeitos para mini jantares de casamento.

Kebab:

Uma refeição muito saborosa e saudável. Esta carne (frango, vaca, porco ou borrego) é prensada num rolo e assada numa grelha vertical. Pode ser servido num prato, em pão ou pita. O investimento em equipamento é de aproximadamente 2 000 euros, incluindo uma máquina de kebab, a faca específica e um frigorífico. Esta comida exótica da Turquia e da Pérsia é rápida de preparar, tem uma grande margem de lucro e não requer muito espaço de armazenamento.

Falafel

O falafel é uma deliciosa comida de rua do Médio Oriente, do Norte de África e da Ásia. O seu sabor único, diferente da maioria dos pratos americanos, torna-o uma escolha popular para aqueles que procuram experimentar algo novo. É uma opção nutritiva e deliciosa que pode ser apreciada como lanche, almoço ou jantar. O seu sabor exótico e a sua textura estaladiça transportá-lo-ão para as ruas do Médio Oriente.

Pizza:

Esta comida italiana, popularizada pelos Estados Unidos e adorada por crianças de todo o mundo, é uma óptima escolha para cozinhar em food trucks. É simples de confecionar e permite uma enorme variedade de possibilidades com todo o tipo de ingredientes.

 

O tempo de preparação é médio e é necessário um investimento mínimo de 3 000 euros em maquinaria para instalar um forno e uma bancada inferior de gama média. Existem variações em função do tipo de massa e da forma como é servida, como paninis, calzone, fatiada, mini-pizzas…

Sushi:

Embora o sushi seja atualmente comum em muitos supermercados, não há muito tempo atrás era uma iguaria exótica e cara. A sua principal vantagem é o facto de poder ser preparado antes do início do serviço e de existir uma grande variedade. Trata-se de uma refeição muito saudável e ligeira para a qual será necessário um balcão baixo e/ou uma vitrina refrigerada, panela de arroz, facas e outros utensílios cujo preço total rondará os 3.000 euros.

Os melhores tipos de alimentos para vender em food trucks

 

Caril:

O caril é uma mistura de especiarias que cativou o mundo com os seus aromas vibrantes e sabores intensos. Originário da Índia, este condimento conquistou paladares em diferentes culturas, dando origem a uma grande variedade de pratos com um toque distinto. O caril convida-o a fazer uma viagem culinária à volta do mundo, permitindo-lhe descobrir sabores e aromas únicos em cada prato.

Saladas:

É o alimento saudável por excelência e está sempre na moda, embora recentemente tenha sido acrescentado um tipo de salada muito original e saboroso. Estamos a falar de poke, um prato original havaiano que está a tornar-se cada vez mais popular em Espanha. O peixe cru e marinado (geralmente atum e polvo) é misturado com temperos e alimentos frescos, como pepino, cebolinha, abacate ou algas marinhas. Servir numa tigela com molho de soja e arroz. Embora possa ser muito variada, os restaurantes havaianos oferecem normalmente apenas uma dezena de combinações específicas.

Crepes:

Outro alimento excelente para vender num camião de comida. Há uma grande variedade e diferentes nomes para elas (arepas, tortitas, panquecas…), dependendo dos ingredientes da massa. A melhor parte é que pode oferecer um prato doce ou salgado com o mesmo equipamento e acompanhá-lo com todo o tipo de ingredientes (legumes, carnes, molhos, chocolates, natas, xaropes…). O pO preço de uma máquina de fazer crepes dupla ronda os 500-700 euros, a que se juntam uma grelha e um frigorífico, num total de cerca de 1.500 euros em equipamento. Outra parte interessante deste tipo de comida de camião é o show cooking, pode ser hipnotizante ver um crepe suculento a ser preparado para si.

Empanadas:

Este tipo de comida é adequado para qualquer local (centros comerciais, festivais, pontos fixos, eventos privados…) devido à sua variedade de ingredientes, uma vez que podem ser de carne (carne de vaca, frango, salsichas, fiambre e queijo…) ou vegetarianos (espinafres, cogumelos, tomate e mozzarella, atum e pimento…), mas também devido à sua variedade de tamanhos, uma vez que pode oferecer mini pastéis à dúzia, pastéis cortados ou à unidade.

Comida vegana:

Os camiões de comida vegana ganharam popularidade graças à sua variedade e criatividade. Com opções que vão desde hambúrgueres de feijão preto a tacos de jaca, os food trucks oferecem uma vasta gama de pratos sem ingredientes de origem animal. Estas deliciosas alternativas não são apenas saborosas, mas também amigas do ambiente e adequadas para quem segue uma dieta vegan ou vegetariana. Com os food trucks veganos, todos podem desfrutar de uma experiência gastronómica deliciosa e ética em qualquer lugar.

Comida vegana no @foodtruck_lachoza
Comida vegana no @foodtruck_lachoza

Espetos variados

Os espetos nos food trucks são uma opção deliciosa e conveniente para satisfazer desejos rápidos. Estes pequenos pedaços estão cheios de sabor e são perfeitos para desfrutar enquanto passeia pela cidade ou socializa com os amigos. Com uma grande variedade de ingredientes e sabores, os pinchos nos food trucks são uma experiência gastronómica que vale a pena experimentar.

Pinchos @tximeleta.streetfood
Pinchos @tximeleta.streetfood
Pinchos @tximeleta.streetfood
Pinchos @tximeleta.streetfood

Churros:

A partir de 2 500 euros, pode encontrar uma batedeira, uma fritadeira e um dispensador para a preparação de churros. Este é um dos pontos fortes das churrerías, mas outro, não menos importante, é o facto de terem mais facilidade em obter licenças de circulação em qualquer parte de Espanha. Para além dos típicos e apetitosos churros e porras, pode criar uma oferta diferenciadora cobrindo-os com chocolate, calda, natas… e acompanhando-os com café ou chocolate quente.

 

Os melhores tipos de alimentos para vender em food trucks

Tortilha:

O ingrediente principal são os ovos, aos quais se pode juntar quase tudo o que é comestível. É ideal para ter “stock” e para poder servir rapidamente os clientes porque também é bom quente e frio! Mas também se pode fazer um espetáculo “ao vivo”, atirando as tortilhas para o ar. O seu produto estrela pode ser a omeleta de batata espanhola com ou sem cebola, que agrada a pessoas de todas as idades (as crianças adoram-na porque é fácil de comer e podem pôr-lhe ketchup em cima). Ou faça sanduíches de omelete francesa com bacon, lombo de porco, carnes frias, queijos… Encontre um ingrediente exótico para adicionar à sua omelete que atrairá a atenção dos seus clientes, que comentarão nas suas redes sociais sobre a omelete exclusiva que provaram no seu food truck. Incluímos esta variedade de alimentos devido à sua flexibilidade e ao seu equipamento económico. O equipamento de restauração pode custar menos de 1.000 euros.

Analisámos 10 tipos de alimentos, mas isto é apenas a ponta do icebergue. Pensar sobre bolos, gelados, batidos, waffles, sumos naturais, massas, sopas, frango, peixe frito ou simplesmente uma cafetaria.

O mais importante é que goste do que vai cozinhar e que seja muito original na apresentação. Partilhe a sua opinião sobre o tipo de comida que prefere quando vai a um evento de camiões de comida.

Scroll to Top